Ciclo debate a questão ambiental

O Museu da Comunicação exibe no dia 20 de novembro (domingo), às 19h, o mulitipremiado curta-metragem gaúcho Ilha das Flores, de Jorge Furtado, e o média-metragem A História das Coisas, de Annie Leonard. A programação integra o ciclo Cinema e História: Problemas Contemporâneos, realizado em parceria com o Centro Acadêmico de Estudantes de História (UFRGS). Após a sessão, o debate conta com a presença de Carla Beatriz Meinerz, professora da UFRGS. A entrada é franca.

Ilha das Flores (Brasil, 1989, 15 min) acompanha a trajetória de um tomate que é jogado no lixo e tenta explicar para extraterrestres porque porcos têm prioridade em relação aos seres humanos num depósito de lixo localizado na Ilha das Flores. A História das Coisas (EUA, 2007, 20min), exibido em mais de 50 países, aborda os problemas sociais e ambientais gerados pelo hábito consumista da sociedade contemporânea e apresenta os inúmeros problemas decorrentes desse sistema linear do capitalismo.

O evento pretende propiciar o debate em torno de questões contemporâneas, com a participação de alunos de graduação e pós-graduação, além de convidados especiais. O evento aborda dois tópicos distintos. O tópico Geral aborda os seguintes temas: África problemas contemporâneos; Meio Ambiente; Estados Unidos versus Oriente Médio; Migrações contemporâneas; Guerra Fria; Contra Cultura. O segundo tópico, Brasil, trata da Questão indígena; Ditadura Militar; A questão racial e o cinturão de pobreza; Sociedade de consumo; Questões de gênero; Tráfico de gente; Desafios contemporâneos; Reforma Agrária. O ciclo encerra dia 27 de novembro com o longa-metragem Home - O mundo é a nossa casa, de Yann Arthus-Bertrand.