Seminário aborda Legalidade

O Museu da Comunicação, em parceria com o Memorial do Rio Grande do Sul e Arquivo Histórico, também instituições da Secretaria de Estado da Cultura, promovem o seminário 50 anos da Legalidade no Memorial RS, no auditório da instituição (Rua Sete de Setembro, 1020), primeiro andar, nos dias 25 e 26 de agosto, às 19h30 min. O evento integra as comemorações do Governo do Estado alusivas ao cinquentenário do movimento da Legalidade. A entrada é franca.

No dia 25 (quinta-feira), pesquisadores de História Política (UFRGS) discorrem sobre o episódio, relatando também os resultados de pesquisa desenvolvida por historiadores no Memorial da Assembléia Legislativa do Estado. A mesa 1, Legalidade e História, mediada por Vinícius Wu (historiador e chefe de Gabinete do Governador do Estado), tem a participação de Carla Brandalise e Luiz Alberto Grijó, professores do programa de Pós-Graduação da UFRGS.

Na sexta-feira, 26 de agosto, a mesa 2, Legalidade e Memória, conta com o jornalista Carlos Bastos (com passagem pelo jornal Última Hora), Lucídio Castelo Branco (ex-assessor de imprensa de João Goulart), Índio Vargas (ex-repórter do Diário de Noticiais) e Jayme Keunecke (que integrou a equipe do Diário de Notícias), todos protagonistas da Campanha da Legalidade, que narram suas experiências pessoais no episódio. A mediação é de Marluza Marques Harres, professora do Programa de Pós-Graduação em História da UNISINOS.

A imagem em destaque, do acervo do Museu da Comunicação,  retrata a manifestção popular em defesa da Legalidade (27/08/1961).

Outras informações através do telefone (51) 32247159, memorial@sedac.rs.gov.br e no site www.legalidade.rs.gov.br